O arcebispo metropolitano de Brasília, presidente da CNBB e cardeal, dom Sergio da Rocha, foi escolhido pelo Papa como novo membro da Pontifícia Comissão para a América Latina (CAL).
 

A Comissão é um organismo da Cúria Romana, criado em 1958, cuja função principal é “aconselhar e ajudar as Igrejas particulares na América Latina” e “estudar as questões referentes à vida e ao progresso destas Igrejas, especialmente estando à disposição dos dicastérios da Cúria interessados por motivos de competência, como das próprias Igrejas na resolução destas questões”.
 

Os brasileiros que fazem parte da Comissão são os arcebispos de São Paulo (SP), cardeal Odilo Pedro Scherer, e o emérito de Aparecida (SP), cardeal Raymundo Damasceno Assis. O Presidente da Comissão é o cardeal canadense, Marc Ouellet. Como secretário, está o uruguaio professor Guzmán Carriquiry.



RCR/CNBB